Canto LXXVIII

“Ida”: Terrell supõe que alguma discussão no DTC, com várias pessoas falando ao mesmo tempo, remeteu Pound ao Julgamento de Páris. Ao mesmo tempo, ele também parece ironizar o tratado de paz (“pax mundi”) assinado por Vittorio Emanuele e os Aliados.

“ter flebiliter, Ityn”: “três vezes, lamentavelmente, Ítis”. Pound revolve Horácio, “Ityn flebiliter gemens” — “Em pranto gemendo por Ítis faz o ninho / a infeliz ave que, por ter se vingado em funesta hora / da bárbara devassidão de um rei, a eterna vergonha / da casa de Cécrops se tornou” (grifo meu). É a segunda estrofe da Ode IV, 12 (em Horácio, Odes. Tradução: Pedro Braga Falcão. São Paulo: Editora 34, 2021). O mesmo verso aparece no Canto IV.

“(…) Janus bifronte / o bastardo de duas faces”: Pound insiste na ladainha exposta no canto anterior sobre como os verdadeiros culpados pela derrocada do regime fascista foram os corruptos como Ciano, o genro de Mussolini (que, de fato, não se opôs à destituição do sogro operada pelo rei). Ciano e Jano (“Giano”) têm sonoridades muito parecidas em italiano, e “o bastardo de duas faces” não deixa qualquer dúvida sobre o alvo dos xingamentos.

“Napoleão (…) Mussolini”: as aspas são de Sir Robert Mond (industrial, químico e arqueólogo britânico, 1867-1938), algo que Pound teria entreouvido em um estabelecimento romano (rua Balbo, nº 35), em 1935. A mesma fala reaparecerá no Canto LXXX. Eis o antissemitismo de Pound em toda a sua estupidez (Mond era judeu). Pound discorreu a respeito em A Visiting Card: “Felizmente, esses porcalhões não têm nenhum senso de proporção, ou o mundo inteiro já estaria sob o domínio racial deles”. “Deles”, judeus. Em tempo: no original, Pound dá uma engrolada nas palavras de Mond (“to crwuth Mussolini”, em que “crwuth” seria “crush”, “esmagar”; depois, no Canto LXXX, “crwuth” vira “cwuth” e Mussolini, “Mutholini”) para tornar a cena ainda mais caricatural, mas isso foi ignorado pelo tradutor.

“(…) em Nápoles, Lorenzo”: a missão de Lorenzo de Médici junto ao rei Ferrante para obter a paz com os napolitanos (v. Canto XXI).

“inoltre”: “também”, isto é, a exemplo de Sigismundo, Lorenzo também escreveu versos.

“alla terra abbandonata”: “à terra abandonada”. Pietro Metastasio (1698-1782), poeta e dramaturgo italiano, tornou-se o poeta da corte vienense em 1729. Escreveu os libretos de várias óperas, como Didone Abbandonata.

“il Programma di Verona”: o Programa de Verona é o manifesto que discorria sobre os princípios da República de Saló. “Sirmio” é o Lago Garda, na região onde Mussolini se refugiou para a derradeira investida. “San Sepolchro” é o nome da praça em Milão na qual Mussolini lançou sua carreira política.

“os quatro bispos (…) altar”: em sua longa caminhada desde Roma, Pound visitou Milão e viu o resultado dos bombardeios dos Aliados.

“Goedel”: Carl Goedel, membro da seção inglesa que se ocupava das transmissões radiofônicas e da propaganda da República de Saló.

“o homem saído de Naxos além de Fara Sabina”: Naxos, a ilha grega pela qual passaram Dionísio e Teseu. Pound vê a si mesmo como ambos em sua jornada de Roma até Gais. “Fara Sabina” é uma localidade próxima de Roma. As frases soltas nos versos seguintes são coisas que Pound ouviu pela estrada afora. “Minestra” é “sopa”; “il zaino”, “a mochila” ou “mala”, “saco” etc.; “Gruss Gott”, “Deus nos abençoe”; “Der Herr”, “o senhor” ou “mestre”; “Tatile ist gelommen”, “Papai chegou” (frase dita por Mary quando ele chegou a Gais).

“e construíram (…) Lácio”: citação da Eneida.

“bricabraque”: Pound teria dito que a “literatura que tenta evitar o exame das causas não passa de um bricabaque tolo”.

“cada qual no nome”: Miqueias 4,5 — “Sim, todos os povos caminham, cada qual em nome do seu deus: nós, porém, caminhamos em nome de Iahweh, nosso Deus, para sempre e eternamente!”.

“Mana aboda” é o título de um poema de T. E. Hulme.

“Steele”: o tenente-coronel John Steele era o comandante do DTC. “Sangue” (“Blood”) seria o nome de um “trainee” do DTC; “Slaughter” seria um “soldado negro”, nas palavras de Steele.

“Δικη”: “justiça”. Epíteto utilizado ao final da Oresteia, onde o coro age como o júri e Atena tem o voto decisivo para considerar Orestes inocente.

“a definição não pode…”: a câmera registra, mas não determina o significado.

“onde não há pessoa responsável (…) endereço”: axioma fascista.

“não um direito, mas um dever”: palavras de Mussolini para se referir à liberdade.

“Presente!”: nas reuniões fascistas, quando o nome de alguém que morrera a serviço do movimento era chamado, os camaradas berravam: “Presente!”.

“(…) quando ele (Pellegrini) / disse: o dinheiro está lá”: repetição de algo já referido no Canto LXXIV. Gianpietro Pellegrini era o subsecretário do ministro das finanças na República de Salò. Em 27 de novembro de 1943, Pellegrini disse a Mussolini que iam lhe pagar 125 mil liras por mês como salário de chefe de estado. Mussolini disse que 4 mil liras bastavam, ao que o outro retrucou que ele devia aceitar as 125 mil, pois “o dinheiro está lá”.

“Tito”: Tito Vespasiano, imperador romano (69-79 d.C.) que sucedeu o desastroso reinado de Nero e empreendeu reformas que salvaram o Império. Pound sugere que Mussolini seria uma espécie de Vespasiano do século XX. “Antonino”, citado a seguir, foi outro bom imperador (um dos chamados “cinco bons”: Nerva, Trajano, Adriano, Antonino Pio e Marco Aurélio), reinando entre 138 e 161 d.C.

“Rostovseff”: Michael Ivanovich Rostovtzeff (1870-1952), historiador e classicista norte-americano.

“o-hon dit (…) tout”: “É algo que se diz no vilarejo / que um capacete não tem utilidade / nenhuma mesmo / Ele serve apenas para dar coragem / àqueles que não têm nenhuma”.

“San Zeno”: basílica de arquitetura românica em Verona.

“Farinata”: Farinata degli Uberti (1212-1264), aristocrata italiano, líder militar da facção gibelina em Florença. Ele foi considerado um herege por alguns contemporâneos, incluindo Dante Alighieri, que o colocou no Inferno (no canto X, especificamente, em covas ardentes). Em 1283, os corpos de Farinata e de sua esposa, Adaleta, foram exumados, julgados e condenados postumamente por heresia. Seus restos, assim, foram cerimoniosamente mutilados. A heresia de Farinata teria sido descrer que houvesse vida após a morte e professar certo epicurismo. Os versos de Pound descrevem uma estátua de Farinata em San Zeno. Alguns versos depois, Pound cita outro líder gibelino, Can Grande della Scala (1291-1329). Este foi amigo e protetor de Dante.

“E fa (…) tremare”: “E faz o ar tremer com a claridade.”

“Assim lá sentamos”: Pound, Eliot e D. M. G. Adams em seu passeio no começo dos anos 1920. “Thiy”: Bride Scratton (o apelido veio de uma antiga rainha egípcia); o “decaduto” (“decadente”) seria Eliot. “Rochefoucauld” é uma referência a um poema de Eliot, “The Boston Evening Transcript” (leia AQUI). O Café Dante ficava em Verona.

“aram vult nemos”: “o bosque precisa de um altar” (v. Canto LXXIV).

“como sob os altares (…) confusões)”: Analectos XXI, 1; “‘Decidiu Kao-yao (…) se mandaram”: Analectos, XXII, 3-6.

A “disputa no senado” diz respeito às discussões acerca da 18ª emenda e a Liga das Nações. Lodge e Knox eram congressistas contrários à entrada dos EUA na Liga das Nações. A 18ª emenda instituiu a Lei Seca (1919-1933).

“Odon”: O. Por (1883-?) foi um escritor italiano que abordava problemas sociais e econômicos. Um dos prediletos de Pound.

Churchill e Midas: ref. à desastrosa reinstituição do padrão ouro pelos britânicos em 1925.

O ideograma é “Tao”, “o processo” ou o “caminho taoísta”.

Nos versos seguintes, Pound delineia alguns preceitos da teoria do crédito social e reitera a história de que tentara convencer Mussolini e adotar essas ideias, mas ele “foi dependurado pelos calcanhares (…) ‘Por um porco'” (segundo o romancista inglês Edgar Jepson) antes que pudesse fazer isso.

“O Roubo da Égua”: O Celebrado Romance do Roubo da Égua é um romance medieval muito popular no Norte da África. Foi traduzido do árabe por Lady Anne Blunt e versificado por Wilfred
Scawen Blunt em 1892.

“casûs bellorum”: eventos ou circunstâncias usados para justificar uma guerra.

“mãos cerradas”: no original, “mits”. O tradutor comeu bola aqui. Trata-se de mais uma alusão à canção sobre a moça cujos seios são tão grandes quanto as luvas (“mitts”) de Jack Dempsey. O “Sr. Wilson” era o “trainee” no American Disciplinary Training Center (DTC) que cantava: “My girl’s got great big tits / Just like Jack Dempsey’s mitts”. Pound erra a grafia de “mitts”.

“Harriet”: Harriette Wilson (1789-1846), em cujas Memoirs (1825) há uma discussão entre ela e Wellington (o próprio Arthur Wellesley (1769·1852), 1º Duque de Wellington, general britânico que derrotou Napoleão em Waterloo) sobre ser ou não apropriado que um homem não tire as botas para transar. Ao que parece, a coisa teria a ver com o duque e a duquesa de Marlborough.

“videt et urbes”: tradução latina da Odisseia I, 2, “qui mores hominum multorum vidit et urbes”, “as muitas urbes que mirou” (Trajano Vieira, ed. 34).

: “polumétis”, “multiversátil” (epíteto de Odisseu).

“ce rusé personnage”: “esse personagem astuto”. Foi assim que W. H. D. Rouse (1863-1950) traduziu “polumétis”, solução aprovada por Pound. James Otis (1725-1783), referido em seguida, foi um advogado e patriota norte-americano que se opôs à Lei do Selo (1765). Ele também renunciou ao cargo de advogado-geral em Boston por ser contrário à emissão dos “writs of assistance” (permissões para que os agentes da coroa fizessem buscas em embarcações e residências sem a necessidade de mandados; na prática, eles podiam proceder buscas quando e onde quisessem, sem atestar causa provável ou nada do tipo).

“asfódelo”: ref. Odisseia XXIV, 10-14. A “campina asfodélica” era uma das três regiões do mundo ínfero dos mortos (as outras duas eram os Campos Elísios e o Tártaro).

“No hay amor (…) amor”: “Não há amor sem ciúmes / Sem segredo não há amor” — o título de uma peça do dramaturgo espanhol Lope de Vega (1562-1635).

“Doña Juana la loca”: Joana (1479-1555), filha de Fernando de Aragão e Isabel de Castela, mãe de Carlos V. Enlouqueceu com a morte do marido, Filipe, do qual nutria ciúmes doentios (sobretudo nos últimos anos de vida dele). O apelido “La loca” também se aplica à atriz Lucia de Salcedo, por quem Lope de Vega foi apaixonado. Quanto a Cunizza, v. Canto VI e Canto XXIX.

“tédio daquele romano nas escadas de Olivia”: não se sabe quem é o “romano”; “Olivia” é a britânica Olivia Rossetti Agresti (1875-1960), ativista e intelectual, filha do crítico de arte William Michael Rossetti e da artista e modelo Lucy Madox Brown. Agresti viveu por muitos anos em Roma e se correspondeu com Pound. Ideologicamente, ela foi do anarquismo ao fascismo, o que seria cômico se não fosse estúpido. Com sua irmã Helen Rossetti Angeli (1879-1969), publicou um jornal anarquista, The Torch. Depois, usando o pseudônimo “Isabel Meredith”, elas publicaram o livro A Girl Among the Anarchists. Ela já apareceu logo no começo do Canto LXXVI. Alguns versos depois, Pound fala no “Dr. Williams”; trata-se do poeta William Carlos Williams, com quem Pound estudou na Universidade da Pensilvânia.

“A Primavera e o Outono”: os Anais da Primavera e do Outono (Ch’un Ch’iu), o último dos Cinco Clássicos. Trata-se de um relato cronológico dos principais eventos ocorridos na província de Lu entre 722 e 484 a.C., geralmente atribuído a Confúcio (Lu era o estado natal dele). Nos Anais, conforme Mêncio, é dito que não há guerras justas (mas há exemplos de guerras melhores do que outras).