Azul-deserto

Mais um trecho do meu romancemprogresso. Foto: Carol Bustorff. O zumbido nos corredores se torna ensurdecedor. As pessoas circulam com expressões de velório, exaustas, como se tivessem passado a noite em pé ao lado de um caixão, exibem olheiras, sentam-se meio curvadas às mesas, caminham cabisbaixas, trocam olhares carregados de um desespero mudo. Vai rolar demissão […]

Pantalassa

Trecho do meu romancemprogresso. Na última ocasião em que os veria com vida, uma tarde de quarta-feira, a onze dias do Natal de 2001, Moshe fez questão de acompanhar a mãe e o padrasto até o aeroporto de Cumbica. Ele os hospedara por dez dias no apartamento em que morava nas Perdizes, o mesmo no […]

Pólio

Para E.M., que sobreviveu para me dar esta história. INCIPIT O som de um corpo atirado n’água, o seu próprio corpo – o primeiro som guardado na memória. MERGULHO O pai foi apanhá-lo na cama, o hálito quente de cigarro, quente e áspero ao estreitá-lo junto ao corpo, a caminho do banheiro. Viu abaixo a […]

1986

Um conto. A árvore de Natal já estava na sala. A família a montou em silêncio, os quatro ali reunidos, dias antes da viagem. Aquele foi o intervalo doloroso de uma despedida, ou o seu início. As malas ficaram no tapete, bem perto da árvore, esperando por eles, por sua partida, desde a véspera. Estavam […]

Feriado em Miriam

Um conto escrito em 2007 e reescrito por esses dias. Oh! que vida comportada eu levo! Simone de Beauvoir, em carta a Nelson Algren. 1. As digitais nas lentes. Miriam tirou os óculos e os encarou: dedos. Os seus próprios. “Como você é ridícula”, resmungou. Acontecia de ela, querendo coçar os olhos, esfregar as lentes. […]

Antes de dormir

Trecho do meu romancemprogresso. As coisas trazidas aleatoriamente pela conversa à mesa do jantar se interpuseram entre Cristiano e o sono. Deitado na cama, a mesma cama de outros tempos, aqueles tão falhamente evocados, percorreu de novo alguns dos tópicos da conversa, procurando se aproximar do que assinalavam, fosse o que fosse. ***** Era a […]

Adobe

Excerto do meu romancemprogresso. Pai e filho permaneceram ali por mais um tempo. Mais notícias de conhecidos, o refrão separando cada uma das estrofes da conversa. Então, Lázaro perguntou se ele não queria dar uma volta pelo terreiro. Encheram e levaram os copos consigo. Ziguezaguearam por entre as árvores, olhando ao redor, para baixo, o […]