N’A Escotilha

Embora o livro parta de um imbróglio envolvendo políticos corruptos (isso é pleonasmo?) e até seja eventualmente compreendido como um produto de seu tempo, dada a atualidade do tema, creio que neste romance interessa menos o submundo do paletó e gravata do que o desmoronamento moral e psicológico do personagem. Abaixo do Paraíso fala sobre as distâncias entre uma solidão e outra (o sexo como salvação niilista), fala sobre um homem tentando escapar do presente refugiando-se num passado que, em vez de ser um porto seguro, talvez seja o seu verdadeiro algoz (…).

Trecho da resenha de Abaixo do Paraíso por Eder Alex para A Escotilha. Leia na íntegra AQUI.